O advogado do jogador, Doutor Ruy, também conversou com Rádio Tupi e explicou toda a situação e os motivos pelos quais Gabriel decidiu deixar o clube.

“O Gabriel relutou muito para tomar essa decisão. Foi tomada mesmo pela questão financeira que o Botafogo está passando. O clube não mostrou em nenhum momento recuperação da saúde financeira, a diretoria não conversou com o jogador prometendo quitar os salários atrasados, melhorar a situação financeira do clube, dando alguma garantia mostrando que ano que vem não vão repetir os mesmos atrasos. Foi uma decisão muito doída pelo jogador, ele sempre exaltou o carinho que tem pelo clube e a vontade que tinha em ficar no Botafogo. Mas, em conjunto, acabou sendo tomada essa decisão de entrar com a ação, não só de rescisão de contrato, mas também todos os valores em atraso que o atleta tinha para receber do Botafogo. Gabriel não tem proposta com nenhum outro clube. A decisão foi tomada mesmo com base na situação financeira do clube. Quando a situação se resolver, aí sim o jogador vai começar a negociar com outros times.”

Lembrando que o jogador, na última rodada do Campeonato Brasileiro falou que tinha contrato até o final de 2015 e que ia continuar no clube.

“Tenho contrato com o Botafogo até o ano que vem. Devo muito ao clube, foi o time que me deu oportunidade, me trouxe do interior de São Paulo, na base ainda e me deu oportunidade para ser o que sou hoje e o que posso ser. O clube está na minha história, vou lutar e honrar o time até o fim.”

Fonte: Super Rádio Tupi