Gilberto pode fazer sábado, contra o Macaé, seu último jogo com a camisa do Botafogo. Dois dias depois, ele se junta à Seleção Brasileira para o período de preparação para os Jogos Pan-Americanos. Segundo o site Globoesporte.com, o lateral-direito é alvo de clubes europeus e pode nem voltar ao Botafogo para o restante da temporada.

O jogador foi observado por italianos nos dois últimos jogos da equipe no Nilton Santos, e seus agentes também foram procurados por espanhóis e portugueses. Gilberto tem contrato até o fim do ano com o Botafogo, que já ofereceu uma proposta de renovação. O grupo MFD, que detém os direitos do atleta, analisa a oferta, mas em paralelo negocia com os estrangeiros.

A partir de 1º de julho, Gilberto já pode assinar um pré-contrato com outro clube. Em caso de saída, o Botafogo nada teria a receber, já que, mesmo sendo dono de 50% dos direitos econômicos, essa fatia foi dada como garantia a credores por empréstimos em anos anteriores. A outra metade dos direitos é do CFZ, clube formador do atleta, que chegou ao Botafogo na categoria juvenil.

Fonte: Globoesporte.com