GATITO: 5,5
Sem culpa nos gols e com pouco trabalho no jogo

ARNALDO: 4,0
Erros cruciais na defesa e falta de poder de definição na frente

CARLI: 5,0
Não conseguiu cortar no primeiro gol. Durante o jogo, teve atuação razoável

IGOR RABELLO: 5,5
Se salvou na péssima atuação do time. Fez o seu com segurança

GILSON: 3,0
Trágico. Não acertou nada no ataque e deixou espaços generosos

RODRIGO LINDOSO: 4,5
Burocrático, não teve força para marcar nem capacidade para armar. Um bom passe para Pimpão perder

JOÃO PAULO: 5,0
Se perdeu em meio a mediocridade, levou cartão em falta que não fez e pouco jogou

BRUNO SILVA: 5,0
Levou o terceiro amarelo, correu e tentou jogar, mas sem qualquer intensidade ou brilho

LEO VALENCIA: 4,5
Acerta alguns passes, mas tem dificuldades em manter o ritmo nos jogos. Parece sempre abaixo fisicamente

RODRIGO PIMPÃO: 4,0
Perdeu um gol de cabeça, correu e errou quase todas as escolhas

GUILHERME: 4,0
Injusticáveis suas últimas atuações. Mais uma vez, irritante, individualista e improdutivo

MARCOS VINICIUS: 5,5
Entrou dando um pouco mais de mobilidade na criação

VINICIUS TANQUE: 5,0
Por incrível que pareça, o melhor entre os atacantes. Brigou, deu trabalho e finalizou

EZEQUIEL: sem nota
Quase não participou do jogo

JAIR VENTRA: 4,0
Não encontra mais soluções no próprio elenco nem reage ao jogo. Parece esperar sofrer gols para fazer alterações

Fonte: Redação FogãoNET