Perto do adeus

Boas fontes do Botafogo me garantem que é quase impossível que o goleiro Jefferson continue no clube. Ele tem a receber oito meses de direitos de imagem (total de R$ 2 milhões) e diante do orçamento previsto para o futebol alvinegro, no ano que vem (pouco mais que R$ 1 milhão/mês), não há como essa dívida ser saldada sem que o jogador seja negociado. A expectativa para 2015, em General Severiano, é que o grupo que disputará a Série B receba salários de, no máximo, R$ 30 mil mensais.

Fonte: Blog do Renato Mauricio Prado - O Globo Online