De olho na possibilidade de abrigar ao menos um dos jogos das semifinais do Estadual no Nilton Santos, o Botafogo deve receber, até o final da semana, um parecer do Corpo de Bombeiros e da Polícia Militar sobre o aumento da capacidade do estádio para 25 mil pessoas.

Nesta terça-feira, após a reunião entre os clubes na Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro (Ferj), o vice-presidente do clube, Nelson Mufarrej, garantiu que, caso o Alvinegro enfrente Fluminense ou Madureira, a possibilidade de jogar em sua casa existe.

— Se pudermos jogar no Nilton Santos, vamos jogar. Existe a previsão de aumentarmos a capacidade para 25 mil pessoas lá, mas ainda dependemos de uma vistoria do Corpo de Bombeiros e da Polícia Militar. Está agendada e pode até ser que nossos dois jogos sejam lá, mas vamos aguardar antes as definições dos confrontos. Estamos pela parte burocrática — afirmou Nelson Mufarrej, vice-presidente geral do Botafogo, que não descartou totalmente utilizar o Maracanã.

Apesar do desejo, o Botafogo tenta desde o início de março o aumento da capacidade do Nilton Santos junto às autoridades. A ampliação, porém, tem enfrentado resistência por parte das autoridades de segurança, que ainda não permitiramque o estádio receba mais que 17.443 mil torcedores.

O cronograma de obras promete a liberação dos setores superiores do estádio para junho, com o Nilton Santos voltando a ter sua capacidade total: 45 mil lugares.

Fonte: Extra Online