Zé Ricardo é o nome que o Botafogo quer para assumir a vaga aberta com a demissão do técnico Marcos Paquetá. O profissional é muito bem avaliado em General Severiano e isso não é de hoje. As partes já entraram em contato e existe um otimismo por parte do Alvinegro de que haverá um final feliz dessa vez.

Isso porque o treinador agrada ao Botafogo há algum tempo e ele também era o nome preferido para assumir o time após a saída repentina de Alberto Valentim, que foi para o futebol do Egito. Na oportunidade, Zé Ricardo preferiu recusar o Alvinegro já que vinha de trabalhos seguidos em Flamengo e Vasco.

Bem verdade que ele não assumiu nenhum outro clube desde então, o que não mudaria o quadro de quando havia recusado o Botafogo. Porém, existe um forte relacionamento entre Zé Ricardo e o gerente de futebol Anderson Barros. O dirigente é quem comanda as negociações e tenta ‘dobrar o amigo’.

Para a partida de sábado, contra o Santos, no Nilton Santos, o Botafogo será comandado pelo auxiliar técnico Bruno Lazaroni. Pelo pouco tempo entre a demissão de Paquetá e o duelo com pelo Brasileiro, a diretoria sabe que terá que utilizar o membro da comissão técnica fixa do clube.

A confiança em ter Zé Ricardo é tão grande que nenhum outro nome chegou a ser especulado. Evidentemente existe uma lista com profissionais que teriam perfil que interessam ao clube. Porém, o ex-treinador de Vasco e Flamengo sempre foi o favorito e as conversas, ao que tudo indica, caminham conforme esperado.

Fonte: UOL