Com sobra no orçamento para a chegada de reforços que não tenham que receber por direitos federativos e apenas pelo salário, a diretoria do Botafogo está no mercado procurando por um atacante. A busca foi intensificada com a possibilidade da transferência de Ribamar nesta janela internacional, o que reduziria as opções do técnico Ricardo Gomes. Os dirigentes trabalham em três frentes e fizeram algumas sondagens a nomes que estão em outros clubes.

O processo de negociação mais avançado é o de Rafael Silva, que foi liberado pelo Cruzeiro para conversar com o Glorioso. O jogador não vem sendo aproveitado pelo técnico Paulo Bento e manifestou o desejo de retornar ao Rio de Janeiro, onde viveu um grande momento no Vasco, justamente nas finais do Campeonato Carioca do ano passado, diante do Alvinegro. O atleta era um sonho antigo da atual gestão, que acabou perdendo a disputa para os cruzeirenses em sua saída do Vasco.

O que pode atrapalhar os planos do Botafogo é que Figueirense e Vitória estão no páreo, porém, o clube carioca tem condições de pagar mais pelo salário do jogador do que seus concorrentes, que possuem referências em seus setores ofensivos.

Outro jogador que tem a situação monitorada é Gilberto, que deixou o Vasco no ano passado e está retornando ao Brasil depois de uma temporada no futebol dos Estados Unidos. O nome agrada a Ricardo Gomes, mas interessa ao Santa Cruz e foi oferecido ao Corinthians.

Júnior Dutra, que foi revelado no Santos e está no futebol do Catar, também vem negociando. O jogador de 28 anos vem tendo problemas com seu clube, o Al Arabi, por conta de atrasos salariais, o que pode facilitar sua saída sem maiores custos. Quem também foi sondado é Getterson, que se destacou pelo J. Malucelli, do Paraná, chegou a ser apresentado pelo São Paulo e foi dispensado em seguida por conta de publicações em redes sociais enaltecendo o Corinthians.

Além da provável saída de Ribamar, o Botafogo perdeu recentemente Anderson Aquino, que se desligou do clube. Ricardo tem à disposição Neilton, Rodrigo Pimpão, Sassá, Luiz Henrique e Geovani Maranhão, além do chileno Gustavo Canales, que se recupera de um edema no pé direito e ainda não tem previsão de estrear.

Dentro de campo, o elenco participou de um trabalho regenerativo nesta sexta-feira e, no sábado, pela manhã, acontece o último treino antes do jogo contra o Santa Cruz, marcado para este domingo, às 16h (de Brasília), no Estádio Municipal Jornalista Mário Helênio, em Juiz de Fora (MG), pela 13ª rodada do Campeonato Brasileiro. Nesta atividade, Ricardo Gomes vai definir a escalação que vai a campo.

Fonte: Gazeta Esportiva