O Botafogo visita o Bragantino nesta sexta-feira, às 21h50, no Estádio Nabi Abi Chedid, pela 12ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro. Após um empate sem gols com o Ceará no Nordeste, o Glorioso defende a liderança isolada da competição. Já o Massa Bruta vive um momento turbulento, agravado pela derrota de 1 a 0 para o Criciúma, a terceira consecutiva. Osmar Loss foi demitido após o tropeço em Santa Catarina e Alberto Félix, que foi jogador do clube na década de 90, dirigirá interinamente a equipe.

René Simões, técnico do Botafogo, alertou seus comandados justamente por conta da troca de comando do elenco do rival.

“O Botafogo teve dois empates, contra Boa (1 a 1) e Ceará, este na rodada passada, quando os times trocaram seus treinadores e sabemos que eles entraram muito mais motivados em campo. Agora vamos ter essa realidade pela frente mais uma vez e o Bragantino vai entrar muito motivado. Temos que nos cuidar. O Botafogo tem condições de ganhar essa partida, mas vai precisar mostrar um futebol de alto nível”, disse.

Os jogadores botafoguenses concordam com o treinador e acreditam que o nível da Série B está ficando mais complicado por conta do maior entrosamento dos times. O atacante Rodrigo Pimpão lembrou que o time vem encontrando problemas quando atua como visitante e entende que isso deve servir de alerta para esta sexta-feira.

“Temos que lembrar que o Botafogo nunca conseguiu ter jogos tranquilos fora de casa, mesmo quando ganhou. Foi assim nas vitórias contra o Paysandu e o Paraná, que os gols da vitória aconteceram no fim do segundo tempo, e até mesmo quando ganhamos o Oeste. Não podemos esperar que a gente vá sempre ganhar como visitante pois os times estão subindo de produção e o grau de dificuldade vai aumentar. O importante é que a gente não perca a pegada e continue jogando com eficiência, sem aceitar a marcação do adversário e buscando sempre se impor. Contra o Bragantino vai ser mais um duelo muito complicado”, disse Pimpão.

Em termos de escalação o Botafogo terá uma mudança em relação à formação que empatou com o Ceará. Daniel Carvalho, que foi advertido com o terceiro cartão amarelo, cumpre suspensão e fica de fora. No treino desta quinta, René Simões confirmou Lulinha como o substituto. O meia Octávio, que retornou após passagem pelo futebol italiano, será relacionado e fica como opção no banco de reservas.

Pelo lado do Bragantino os jogadores e comissão técnica têm procurado evitar dar muitas entrevistas por conta do momento delicado. Um novo tropeço diante do Botafogo pode aumentar a proximidade com a zona de rebaixamento e instalar de vez a crise no clube. Disposto a evitar fazer maiores alterações, Alberto Felix, sem problemas de lesão ou suspensão, vai repetir a formação que participou do confronto com o Criciúma.

FICHA TÉCNICA:
BRAGANTINO X BOTAFOGO

Local: Estádio Nabi Abi Chedid, em Bragança Paulista (SP)
Data: 10 de julho de 2015, sexta-feira
Horário: 21h50(de Brasília)
Árbitro: Avelar Rodrigo da Silva (CE)
Assistentes: Anderson Moreira de Farias (CE) e Daniel Cotrim de Carvalho (PR)

BRAGANTINO: Douglas, Éverton Dias, Luan, Gilberto e Moisés; Bruno Costa, Jocinei, Sandro Silva e Alan Mineiro; Jobinho e Rodolfo
Técnico: Alberto Felix

BOTAFOGO: Jefferson; Luis Ricardo, Renan Fonseca, Roger Carvalho e Carleto; Diego Giaretta, Willian Arão, Tomas Bastos e Lulinha; Rodrigo Pimpão e Luis Henrique.
Técnico: René Simões

Fonte: ESPN.com.br