Acabou a espera. Depois de 18 anos, o Botafogo volta a disputar a Libertadores, a partir das 22h da noite desta quarta-feira, contra o Deportivo Quito, no Estádio Atahualpa, no Equador, em jogo com transmissão em tempo real pelo LANCE!Net. Em busca de um bom resultado fora de casa, o Glorioso aposta as suas fichas no atacante Juan Carlos “El Tanque” Ferreyra. Típico centroavante, o novo camisa 9 alvinegro falou sobre a expectativa para a partida.

– Vamos enfrentar uma grande equipe e esperamos fazer um bom jogo e tentar ganhar – disse o jogador, consciente de que o Botafogo vai enfrentar grandes dificuldades, principalmente pela altitude de 2.850 metros acima do nível do mar:

– Vai ser difícil, pois não estamos acostumados com a altitude, mas estamos preparados para trazer um bom resultado. Esperamos, assim, conseguir no Brasil a classificação.

SALÁRIOS ATRASADOS E POUCA PROCURA POR INGRESSOS

O Deportivo Quito vai para a partida esperançoso de conseguir a classificação para a fase de grupos da Libertadores até mesmo para ajudar nas finanças do clube. Com salários atrasados há meses, o clube vive uma grave crise financeira e renovou praticamente todo o elenco. Recentemente, Los Chullas, como são conhecidos, contrataram nada menos do que 17 jogadores.

A torcida local, por sua vez, não anda lá muito animada. A imprensa equatoriana estima que pouco mais de dez mil pessoas devem comparecer à partida.

Sabendo de que vai enfrentar um adversário com mais tradição no futebol, o técnico Juan Carlos Garay joga o favoritismo para o Botafogo.

– Todas as equipes brasileiras são muito boas. O Botafogo terminou em quarto no Campeonato Brasileiro – lembrou o treinador.

FICHA TÉCNICA:

DEPORTIVO QUITO X BOTAFOGO

Estádio: Atahualpa, Quito (Equador)
Data/hora:
29/1/2011 – 22h (de Brasília)
Árbitro: 
Wilmar Roldan (COL)
Auxiliares: Humberto Clavijo (COL) e Eduardo Díaz (COL)

Deportivo Quito: Ramírez, Chinga, Romero, González e Fuertes; Vega, Andrade, Bravo e Lara; Estupiñán e Hanses (De Jesús). Técnico: Juan Carlos Garay

Botafogo: Jefferson, Edilson, Bolívar, Dória e Julio Cesar; Rodrigo Souto, Marcelo Mattos e Gabriel; Jorge Wagner e Lodeiro; Ferreyra. Técnico: Eduardo Hungaro.

Fonte: Lancenet!