O sonho do Engenhão pode acabar em Caio Martins

Há forte movimento no Botafogo para que o Engenhão não seja mais utilizado, nem após a Olimpíada, pois exige manutenção caríssima. O Botafogo mergulhou em crise financeira e seus jogos dificilmente atraem mais de 15 mil pessoas. Caio Martins é mais modesto, barato, bem localizado e poderia ser reformado com a construção de arquibancada para 20 mil pessoas. Tem características de alçapão, difícil para os adversários e ideal para o acesso dos torcedores. Tudo leva à volta ao passado.

Fonte: Coluna do Márcio Guedes - O Dia Online