Dankler veste a camisa 6 e chega mostrando confiança

Compartilhe:

Dankler Botafogo (Foto: Thales soares)Com pinta de zagueiro, Dankler, de 21 anos, foi apresentado nesta quinta-feira pelo Botafogo como segundo reforço para a disputa do Campeonato Brasileiro. Revelado pelo Vitória, o defensor iniciou os treinamentos no novo clube na terça-feira e assinou contrato até dezembro de 2015 em busca de um recomeço na carreira.

Sem sorrisos, com a fala firme e confiante, Dankler recebeu a camisa 6, que pertencia no começo da temporada a Márcio Azevedo, negociado com o Metalist, da Ucrânia, em fevereiro. Com 1,87m de altura, ele garantiu estar pronto para ajudar o novo clube.

– Estou bem fisicamente. Desde que fiquei parado, fiz trabalhos com um personal especializado em futebol. Falta pegar um pouco de ritmo, pois em agosto completa um ano que não jogo, mas rapidinho estarei preparado para jogar – afirmou Dankler.

No Botafogo, ele vai encontrar outros seis zagueiros. Apesar da concorrência, a confiança é grande para quando receber uma oportunidade. Segundo Dankler, está mais acostumado a jogar pelo lado direito, mas também já atuou pelo esquerdo.

– Conheço e sei que são atletas de grande qualidade. Vou buscar meu espaço e, aos poucos, a oportunidade vai aparecer. Quando agarrar será com todas as forças e para soltar vai ser difícil – comentou Dankler.

Dankler Botafogo (Foto: Thales soares)Zagueiro promete entrar em forma rapidamente (Foto: Thales soares)

O período sem atuar se deve ao problema que teve com o Vitória. O jogador ficou afastado do grupo por não ter renovado o seu contrato, que terminou no dia 14. Em fevereiro, o Botafogo já havia assinado um pré-contrato com o jogador.

O primeiro confronto com o Vitória será no dia 1 de agosto. Dankler espera estar apto a fazer parte do grupo que vai para o jogo, apesar do pouco tempo. A intenção é mostrar o que o seu ex-clube perdeu.

– Vou fazer o meu melhor, independentemente do adversário, mas, quando enfrentar o Vitória, eles vão poder analisar e ver se tem arrependimento ou não – afirmou Dankler.



Fonte: Globoesporte.com
Comentários