O Fluminense deverá se sentir em casa no clássico de domingo, às 18h30 (de Brasília), no Mané Garrincha, diante do Botafogo pela 15ª rodada do Campeonato Brasileiro. Neste sábado, mais de 200 torcedores compareceram ao Aeroporto Internacional Juscelino Kubitschek, em Brasília, para levar o seu carinho ao grupo dirigido por Cristóvão Borges. Nem mesmo o grito dos cerca de 40 torcedores da agremiação de General Severiano diminuiu a alegria dos tricolores

Antes, porém, essa presença maciça quase causou um transtorno. Momentos antes de a equipe das Laranjeiras desembarcar, foi a vez de a delegação do Botafogo chegar e ouvir várias provocações. Em uma delas, um torcedor do Fluminense esfregou a bandeira de seu clube no rosto do técnico alvinegro, Vágner Mancini. Só não houve um tumulto maior porque a segurança do aeroporto interviu e retirou o tricolor.

O ápice da festa veio no momento da chegada do Flu ao Distrito Federal. O mais assediado, como sempre, foi o centroavante Fred. Outros a receberem carinho foram o goleiro Diego Cavalieri, o volante Jean, o meia argentino Dario Conca e o atacante Walter, que não escondeu a alegria pela recepção calorosa.

“É sempre bom receber o carinho do torcedor. É uma partida importante, estamos bem concentrados no que temos que fazer para vencer amanhã (domingo)”, disse o camisa 18 ao Lancenet.

Ambos necessitam vencer para melhorar de situação no Brasileiro. Somando 26 pontos, o Fluminense é o atual quarto colocado da Série A. Já o Botafogo, com 14, está em 17º, o primeiro do Z-4 da competição.

Fonte: FutNet