A Arena Botafogo, nome dado ao estádio Luso-Brasileiro, na Ilha do Governador (RJ) enquanto o Fogão o usar em jogos do Campeonato Brasileiro deste ano, poderá ver outras equipes usando o local como sede na próxima edição do Campeonato Carioca. Inclusive, alguns dos rivais do alvinegro. É o que deseja a Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro (Ferj).

De acordo com o Globoesporte.com, a entidade já iniciou conversas para convencer o time de General Severiano a permitir o uso do local para outros times, como Fluminense e Flamengo mandarem seus jogos no estadual. A intenção é de que partidas contra os chamados ‘pequenos’ possam ser realizadas na Ilha, deixando os jogos de maior porte para o Maracanã e o Engenhão, que já estarão liberados.

“A Arena da Ilha é vista pela Federação como importante praça para o Estadual de 2017. E estamos conciliando os interesses de Botafogo e Portuguesa para fazer a manutenção do estádio, excelente localização, custo baixo, boas condições para a transmissão da TV, segurança e gestão sem complexidade. É o melhor para o nosso futebol”, declarou o presidente da Ferj, Rubens Lopes.

A Portuguesa, que é dona do estádio, também participa das negociações em relação a Arena. Como o Botafogo pretende voltar ao Engenhão já no começo do próximo ano, uma solução seria a de que Federação e os dois times possam fazer uma divisão das despesas de manutenção do local durante o Carioca.

Enquanto não existe uma decisão sobre o assunto, a Arena Botafogo segue como casa do time no Brasileirão e receberá seu próximo jogo no dia 1/10, contra o Corinthians.

Fonte: Torcedores.com e Globoesporte.com