Grêmio critica STJD por cogitar punir Zé Roberto: ‘Absurdo’

Compartilhe:

A procuradoria do Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) poderá denunciar o meia Zé Roberto pelo carrinho dado contra o lateral Lucas, do Botafogo, nesse domingo. O jogador do Alvinegro fraturou o tornozelo esquerdo e o procurador-geral Paulo Schmitt destacou que um posicionamento oficial ocorrerá até o fim desta semana. Em entrevista à Rádio Guaíba, o assessor de futebol do Grêmio, Marcos Chitolina, criticou uma possível punição ao camisa 10.

“Acho um absurdo se isso ocorrer. Quem conhece o Zé Roberto, sabe que não tem o espírito de machucar ninguém. Não teve a intenção, foi uma fatalidade”, disse. O dirigente acredita que o histórico do meia poderá ajudar se o caso for para julgamento do STJD. “A carreira dele prova que é um profissional acima de qualquer suspeita. Ele cuida para não lesionar ninguém. Mas as imagens são analisadas só da parte do Grêmio”, acrescentou.

Mesmo com a sensação de ter sido prejudicado pela polêmica no duelo, o Botafogo não irá recorrer formalmente para pedir punições ao juiz Paulo Cesar de Oliveira (Fifa-SP) e ao assistente Marcelo Van Gasse (Fifa-SP). O time carioca também não pedirá pela suspensão de Zé Roberto.



Fonte: Correio do Povo e Rádio Guaíba
Comentários