O ex-jogador Mendonça, ídolo do Botafogo nos anos 70 e 80 e com passagens por clubes como Palmeiras, Santos e Grêmio, está internado no Hospital Estadual Albert Schweitzer, em Realengo, após sofrer um grave acidente na estação ferroviária Guilherme da Silveira, em Bangu. O homem de 63 anos caiu das escadas da estação e sofreu um ferimento profundo no rosto, além de duas fraturas que exigiriam cirurgia de emergência. Ainda não houve divulgação de boletim médico sobre o caso, que requer atenção por conta da perda de sangue.

O próprio Hospital Estadual Albert Schweitzer, inclusive, pede doações de sangue no Hemorio para auxiliar o acompanhamento do caso. O Botafogo já tem informação da internação, e exibiu a mensagem “Força, Mendonça” no telão do estádio Nilton Santos durante jogo contra o Fortaleza. De acordo com registro da “Rádio Tupi”, familiares de Mendonça confirmam que o quadro requer cuidados e que órgãos como fígado, coração e rins são observados. O ex-jogador está no CTI (Centro de Tratamento Intensivo) do hospital.

Em setembro do ano passado, o UOL Esporte publicou longa entrevista sobre vida e carreira de Mendonça. Na ocasião, o ex-jogador falou sobre o alcoolismo, doença que tem enfrentado nos últimos anos. Ele passou 40 dias internado em uma clínica de reabilitação no ano anterior, mas teve recaídas após o episódio. Na mesma reportagem, familiares de Mendonça lamentaram que ele não tenha parado de beber e disseram que isso causa muitas preocupações.

Durante a carreira, Mendonça ficou identificado com a camisa do Botafogo, clube pelo qual marcou mais de cem gols em sete temporadas, mas nunca foi campeão.

Fonte: UOL