Usamos cookies para anúncios e para melhorar sua experiência. Ao continuar no site você concorda com a Política de Privacidade.

Jogos

Carioca

25/04/21 às 00:00 - Nilton Santos

Escudo Botafogo
BOT

X

Escudo Macaé
MAC

Carioca

17/04/21 às 16:00 - Maracanã

Escudo Fluminense
FLU

1

X

0

Escudo Botafogo
BOT

Copa do Brasil

14/04/21 às 21:30 - Frasqueirão

Escudo ABC
ABC

1

X

1

Escudo Botafogo
BOT

Mais uma chance? Sem opções, Botafogo já se divide entre volta de Jobson

0 comentários

Compartilhe

Jobson e Botafogo costumam formam uma fórmula explosiva. Mesmo com o jogador tendo pisado na bola em várias oportunidades, a possibilidade de contar novamente com o atacante em seu elenco já divide o clube. Isso porque o Alvinegro reduziu gastos e não realizou uma grande contratação e ainda por cima viu as saídas de Seedorf e Rafael Marques enfraquecer o elenco. Assim, alguns dirigentes já não são contra a quarta passagem do atleta por General Severiano.

Jobson, no entanto, está longe de ser uma unanimidade. Emprestado ao Al-Ittihad, Jobson voltou a ganhar destaque no clube árabe, que vive grave crise financeira e não conseguiu manter seus compromissos em dia. O atacante decidiu respirar novos ares e volta a ter seu futuro nas mãos do Botafogo, com quem tem contrato até junho de 2015.

Nas redes sociais, a possível volta de Jobson animou os torcedores do Botafogo, que enviaram várias mensagens ao jogador nos últimos dias. E o atacante entrou na onda. Ele replicou alguns desses pedidos para que ele voltasse a vestir a camisa do Alvinegro e disse ter vontade de que isso ocorra. Por outro lado, ele também foi ‘sondado’ por outras torcidas como a do Palmeiras.

Meio confuso com tantos pedidos, Jobson decidiu não frustrar ninguém e disse que jogaria também no Palmeiras, já que vários torcedores enviaram mensagens. O atacante revelou ter seis propostas – quatro do Brasil e duas da região árabe – e que seu estafe analisará tudo nesta semana.

“Disputar a Libertadores com o Botafogo??? Quem sabe??? Estamos aí!!!! #botafogo”, disse pelo Twitter. “Estou à disposição para novos clubes!! Seja onde for!!! Agradeço com todo carinho a torcida do Al-Ittihad”, completou o polêmico atacante.

A reportagem do UOL Esporte entrou em contato com o empresário de Jobson, o advogado Paulo Ramalho, que não quis comentar o futuro do atacante. “Desculpe, mas não vou falar nada sobre esse assunto. Temos pessoas cuidando de sua situação, mas não vou passar nenhuma informação”, disse antes de desligar o telefone.

Jobson teve destaque pelo Botafogo em 2009, quando marcou gols decisivos que contribuíram para que o Alvinegro não caísse para a segunda divisão. Mesmo nos braços da torcida, ele quis se transferir para o Cruzeiro em 2010. Porém, ele foi flagrado no antidoping por uso de cocaína e a negociação foi cancelada.

O Botafogo decidiu apostar em Jobson e o contratou até junho de 2015, mas desde então o atacante não repetiu as boas atuações e sempre teve seu nome ligado a polêmicas. Entre ida e vindas no Alvinegro, ele passou por Atlético-MG, Bahia, Barueri, São Caetano e, agora, Al-Ittihad-ARA.

Porém, a última passagem de Jobson pelo Botafogo terminou de maneira não muito amigável. Na oportunidade, o atacante treinava separadamente do grupo principal e queria uma rápida decisão sobre sua situação. Praticamente fora do clube, ele disse ao UOL Esporte que queria jogar no Flamengo, já que o Alvinegro não o queria mais. Mesmo assim, parte da torcida ainda vê o jogador como ídolo e aprova seu retorno.

Comentários