Depois de recusar o meia Marcos Vinicius na troca que faria com o Cruzeiro pelo atacante Sassá, o Botafogo mudou de ideia de novo e voltou atrás. Agora, a diretoria alvinegra aceita o jogador, de acordo com o site Globoesporte.com.

Marcos Vinicius realizará exames médicos ainda nesta semana no Rio de Janeiro, e o Botafogo exige que ele seja aprovado nesta bateria para que o acordo com o Cruzeiro seja selado.

O Botafogo teme que Sassá saia de graça no fim do ano, já que seu contrato termina em dezembro e ele poderia assinar um pré-contrato com qualquer outro clube após o dia 1° de julho. Por isso, aceitou Marcos Vinicius, mesmo com a maior urgência sendo a contratação de um atacante.

A ideia é que os dois clubes fiquem com 50% dos direitos de ambos os atletas para participação em futuras transferências.

Fonte: Globoesporte.com