Obra no Engenhão: operários começam a fazer fundações

Compartilhe:

Mãos à obra para a reabertura do Engenhão, prevista para ocorrer em dezembro de 2014. Sem chamar atenção de quem passa perto do estádio, operários já começaram a fazer duas grandes fundações – para suportar dois gigantescos guindastes – no terreno do estacionamento VIP, que fica entre os setores Oeste e Sul. É o primeiro grande passo para o retorno do Alvinegro à sua casa.

A obra, com a finalidade de reforçar a cobertura do estádio, começou no início do mês, sob o encargo (mão de obra e financeira) do Consórcio Engenhão, formado pelas construtoras OAS e Odebrecht. O grupo foi o responsável pela segunda parte da construção do estádio, concluída em 2007.

Além das fundações, o canteiro de obras e os barracões dos operários também estão sendo instalados no agora desativado estacionamento VIP. O clube preferiu usar o espaço fora do Engenhão como base das instalações para não quebrar as arquibancadas e não prejudicar o gramado, que até hoje tem sido tratado e se encontra em ótimo estado.

Quando finalizadas as fundações, os dois guindastes serão levados para o Engenhão em diversas partes, e a montagem deles ocorrerá no pátio do próprio estádio. A expectativa do Botafogo e do consórcio é que os guindastes já estejam suportando a cobertura do estádio em novembro.

O Engenhão está interditado desde o dia 26 de março pela prefeitura do Rio de Janeiro, por não apresentar os requisitos mínimos de segurança para o público. Um relatório da empresa alemã SBP apontou que ventos acima de 63 km/h poderiam derrubar a cobertura da arena. O estádio foi construído foi para a realização do Pan-Americano de 2007 e está arrendado pelo Botafogo até 2027.



Fonte: Lancenet!
Comentários