O presidente do Botafogo, Carlos Eduardo Pereira, não teme que o clube perca pontos antes do início da Série A de 2016. Nesta quinta, o Jornal EXTRA publicou que o alvinegro poderia começar o Brasileirão com seis pontos a menos por conta de uma ação na Fifa movida pelo Kashima Antlers.

O clube japonês cobra uma dívida no valor de US$ 200 mil (cerca de R$ 747 mil), referente à transferência do jogador Fellype Gabriel, que atuou no Botafogo entre 2012 e 2013 e hoje está no Palmeiras.

– Esse assunto já existe desde quando nós assumimos (no começo deste ano). Não tem risco nenhum – afirmou o presidente.

O dirigente reconhece a ação, mas diz que pretende compensar o eventual pagamento com a cobrança de US$ 323 mil (R$ 1,2 milhão) do Al Sharjah, dos Emirados Árabes, para onde o atleta se transferiu quando deixou o Botafogo.

Fonte: O Globo Online