O Botafogo está próximo de anunciar a contratação de Ricardo Gomes como sucessor de René Simões, demitido na última quarta-feira. Nesta segunda-feira, ele vai ser reunir com o presidente do alvinegro, Carlos Eduardo Pereira, e o gerente de futebol, Antônio Lopes, para concluir a negociação.

— Vamos saber se ele está pronto para aceitar este desafio — afirmou Carlos Eduardo. — Ele é um cara top de linha. Seria um técnico não para a Série B, mas para qualquer equipe do mundo. Não tem só currículo, tem postura fantástica.

O último trabalho de Gomes foi no Vasco, em 2011, quando foi campeão da Copa do Brasil. Em agosto do mesmo ano, ele sofreu um acidente vascular cerebral (AVC) em um clássico contra o Flamengo. Se fechar com o Botafogo, ele vai pegar o time na liderança da Série B, mas em processo de mudanças. Recentemente, saíram Bill, Marcelo Mattos e, por último, Rodrigo Pimpão. Chegaram jogadores pouco conhecidos, Serginho (volante) e os uruguaios Gonzalo Bazallo (volante) e Alvaro Navarro (atacante).

— É um momento de muitas trocas e, mesmo assim, o time voltou a se isolar na liderança da Série B. Felizmente, a tabela vai nos ajudar. O Botafogo joga dois dos próximos três partidas no (estádio) Nilton Santos. Saímos apenas contra o Bahia (na próxima rodada). Acho que está tudo a nosso favor — completou.

Fonte: O Globo Online