Com o temor de que os atrasos salariais completem três meses, o que permitira jogadores buscarem a rescisão na Justiça, o Botafogo terá de pedir socorro mais uma vez a torcedores ilustres que costumam ajudar o clube. A informação é do site Globoesporte.com.

Sem previsão de receitas novas, o Botafogo está acionando Carlos Augusto Montenegro, ex-presidente, Claudio Good, ex-vice de finanças de Bebeto de Freitas e Mauricio Assumpção, Ricardo Rotenberg, atual vice comercial de marketing, e Manoel Renha, diretor geral da base.

Montenegro costuma emprestar dinheiro ao Botafogo e recentemente quitou débitos com elenco e avalizou a contratação do atacante Diego Souza. Good, por sua vez, ajudou o Botafogo na contratação de Rodrigo Aguirre no ano passado, ao lado de Montenegro e do empresário Felipe Neto.

Montenegro, Good, Rotenberg e Renha têm mantido conversas diárias na luta por soluções. Ainda de acordo com o Globoesporte.com, um deles afirma que estão “sem dormir” por estratégias para amenizar o clima de insatisfação no elenco do Botafogo.

Fonte: Globoesporte.com