Com um a mais na maior parte do jogo, o Botafogo venceu o Sol de América por 1 a 0 nesta quarta-feira, no Estádio Luis Alfonso Giagni, em Villa Elisa (PAR), e saiu em vantagem para conseguir a classificação para as oitavas de final da Copa Sul-Americana. O herói da noite? Érik, mais uma vez, que fez o gol da vitória alvinegra na etapa final.

O Botafogo começou o jogo repetindo aquela mesma história, muita posse de bola, mas pouquíssima produção ofensiva. E o Sol de América foi se animando… Aos 19 minutos, após uma pixotada da defesa, Carli acertou o rosto de Villagra. Pênalti marcado pelo árbitro. Na cobrança, Clar se assustou com a grande qualidade e experiência de Gatito e chutou no travessão.

O jogo seguia meio modorrento, até que Pardo foi expulso pelo segundo cartão amarelo aos 31 minutos, deixando o Botafogo em vantagem numérica. Só a partir daí é que o Botafogo conseguiu levar um pouco mais de perigo ao gol adversário. A melhor chance saiu nos acréscimos: Leo Valencia rolou da esquerda, Cícero rolou da entrada da área e Diego Souza saiu na cara, mas o chute parou no goleiro Escobar.

Na segunda etapa, o Botafogo aumentou o ritmo e foi todo pressão para cima do Sol de América, acuado em seu campo de defesa. Mas a bola custou a entrar. Aos 8, o Fogão chegou trocando passes na frente, Leo Valencia rolou e Alex Santana chutou prensado, facilitando a defesa de Escobar. Dois minutos depois, Erik foi lançado, driblou o goleiro, cruzou, Diego Souza cabeceou, Clar salvou em cima da linha e Alex Santana, no rebote, chutou para fora.

Quem enfim poderia estufar a rede do Sol de América? Só Erik mesmo… Aos 27 minutos, Gilson cruzou da esquerda, o goleirão Escobar saiu todo errado do gol e o atacante alvinegro emendou de meia-bicicleta, anotando seu quarto gol na Copa Sul-Americana. A vantagem estava garantida, mas Jean foi expulso aos 40 minutos, dois minutos apenas após entrar em campo, deixando no ar uma certa tensão. Mas o jogo terminou com vitória alvinegra.

Próximos jogos

Com a vantagem obtida no Paraguai, o Botafogo pode até empatar na partida de volta, na próxima quarta-feira, às 19h15, no Estádio Nilton Santos, para avançar às oitavas de final da Copa Sul-Americana. Antes disso, porém, o Glorioso volta a atuar no Campeonato Brasileiro: sábado, às 16h, encara o Palmeiras, no Estádio Mané Garrincha, em Brasília.

FICHA TÉCNICA 
SOL DE AMÉRICA 0 X 1 BOTAFOGO

Estádio: Luis Alfonso Giagni
Data/Hora: 22/05/2019 – 19h15
Árbitro: Germán Delfino (ARG)
Assistentes: Lucas Germanotta (ARG) e Pablo González (ARG)
Renda e público: ₲ 104.360.000 / 4.718 pagantes
Cartões amarelos: Pardo e Villalba (SOL); Fernando e Cícero (BOT)
Cartões vermelhos: Pardo 31’/1ºT (SOL); Jean 40’/2ºT (BOT)
Gols: Erik 27’/2ºT (0-1)

SOL DE AMÉRICA: Escobar; Velázquez (Acuña – Intervalo), Ferreira, Portillo e Clar; Jourdan, Fredes (Richard Franco 12’/2ºT), Villalba e Pardo; Ruíz Díaz (Otazú 24’/2ºT) e Villagra – Técnico: Javier Sanguinetti.

BOTAFOGO: Gatito Fernández; Fernando, Carli, Gabriel e Gilson; Cícero (Luiz Fernando 24’/2ºT), João Paulo (Gustavo Bochecha 24’/2ºT) e Alex Santana; Erik, Diego Souza e Leo Valencia (Jean 38’/2ºT) – Técnico: Eduardo Barroca.

Fonte: Redação FogãoNET