Xingado pela torcida do Botafogo ainda no primeiro tempo do clássico contra o Fluminense, quando já perdia por 3 a 0, o técnico Alberto Valentim pediu entendimento dos torcedores e afirmou ser normal as críticas que vem sofrendo das arquibancadas. Ele falou sobre o assunto na entrevista coletiva no Maracanã, neste domingo.

– É claro que a torcida não ficou satisfeita com o resultado, e sabemos que quando as coisas não andam o treinador é sempre o alvo principal. Torcedor é muita paixão. Não era o que a gente queria na Taça Guanabara. É absorver bem essa derrota, tem que levantar a cabeça – afirmou Valentim, voltando a pedir paciência:

– Gostaria que o torcedor entendesse o processo que o Botafogo vive, de algumas contratações, jogadores que estão chegando ainda… Quando alonga a pré-temporada, não significa que já foi feito tudo aquilo que precisaria ser feito. Tem que refletir com calma, apesar de saber que o torcedor quer resultados e boas atuações o quanto antes, com essa paixão louca.

Alberto Valentim voltou a defender a estratégia de optar por uma pré-temporada maior e escalar um time repleto de atletas do sub-20 nas duas primeiras rodadas, quando o Botafogo foi derrotado por Volta Redonda e Madureira – pontos que pesaram na eliminação, sem vaga nas semifinais.

– Acredito muito no que a gente está fazendo nessa preparação. É bom lembrar que o Botafogo ficou em 8º lugar no Carioca do ano passado e tudo foi planejado para fazermos um Carioca melhor. É uma equipe que ainda não está batendo nem um mês de treinos. É claro que numa equipe grande sempre vai haver cobrança, independente desse tempo de treino – completou Valentim.

Fonte: Redação FogãoNET