O Botafogo acredita que vai obter sucesso na justiça e anular o jogo com o Palmeiras, no qual houve uso indevido do VAR pelo árbitro Paulo Roberto Alves Júnior para marcar pênalti de Gabriel sobre Deyverson.

o vice de futebol do Botafogo, Gustavo Noronha, afirmou ao SporTV estar otimista em um desfecho positivo para o clube.

– Quando o árbitro reinicia a partida, não pode mais tomar decisão de aplicar o VAR. Eventos podem acontecer naquele ínterim que comprometem o decorrer do jogo. Será o primeiro caso para apreciação do STJD. Não há casos parecidos em outros países, pelo que pesquisamos. É só um desafio, primeira vez que a corte brasileira vai se posicionar a respeito. Mas estamos muito confiantes, as normas são claríssimas. O dispositivo legal que vai ser interpretado é muito cristalino a respeito da impossibilidade de reinício da partida antes de submeter o lance ao VAR – declarou Gustavo Noronha.

⬇ Não vai ao Nilton Santos? Garanta a transmissão de Botafogo x Sol de América ao vivo por 30 dias de graça. Cadastro e cancelamento em 1 minuto! ⬇

Link ao vivo para assistir Botafogo x Sol de América pela Copa Sul-Americana

O Botafogo pedirá a anulação da partida baseado na regra 5 da FIFA e o protocolo 8.12 do VAR, que determinam que a decisão do árbitro não pode ser alterada após o jogo ser reiniciado.

Fonte: Redação FogãoNET e SporTV