Federações e clubes pelo país discutem o retorno do futebol brasileiro nos próximos dias. No Rio de Janeiro, algumas equipes já voltaram a treinar, e a Ferj tem um protocolo para a volta do Campeonato Carioca. Botafogo e Fluminense, porém, são clubes que se mantém contra o retorno por agora. No Troca de Passes deste sábado, o advogado especialista em direito esportivo, Eduardo Carlezzo, afirmou que as equipes estão respaldadas por justificativas.

Continua Depois da Publicidade

“A pandemia não chegou ao seu pico, hospitais lotados, cidades em caos como o Rio de Janeiro, esses clubes têm todas as justificativas para se defenderem e não deveriam ser punidos”.

Eduardo Carlezzo

– Podemos ter atletas que entendam que ir a campo nesse momento não é o melhor para sua saúde. Terá que se buscar o equilíbrio entre clubes, federações e atletas. Se houver situações de atletas que se recusarem a entrar em campo, sendo que federações e clubes não deram as condições sanitárias para esses atletas, entendo que eles não podem ser punidos. O que vemos em países europeus é um retorno todo calculado, uma coisa que não vejo nesse momento no Brasil.

Continua Depois da Publicidade

Bolsas, mochilas e carteiras para torcedores do Botafogo na loja do FogãoNET/Estilo Piti

O advogado comentou ainda os problemas financeiros enfrentados por muitos clubes no futebol brasileiro, que vão ser agravados pela pandemia. Para Eduardo Carlezzo, o clube-empresa é o caminho mais seguro para a recuperação financeira dessas instituições.

– O momento é muito grave. O endividamento subiu 15% desde 2009. Temos uma situação caótica nas finanças dos clubes e que vai piorar. Esse é o momento para discutirmos sobre a estrutura dos clubes de futebol no Brasil. O modelo de associação que temos hoje é arcaico, corporativista e que leva à inadimplência e favorecimento de alguns. É fundamental que o Senado aprove o projeto de clube-empresa. Vai faltar dinheiro no futebol brasileiro e a única fonte para alavancar capital hoje é com a ajuda de investidores.

Continua Depois da Publicidade

Fonte: SporTV.com
Continua Depois da Publicidade

Comentários