Usamos cookies para anúncios e para melhorar sua experiência. Ao continuar no site você concorda com a Política de Privacidade.

Jogos

Carioca

25/04/21 às 18:00 - Nilton Santos

Escudo Botafogo
BOT

X

Escudo Macaé
MAC

Carioca

17/04/21 às 16:00 - Maracanã

Escudo Fluminense
FLU

1

X

0

Escudo Botafogo
BOT

Copa do Brasil

14/04/21 às 21:30 - Frasqueirão

Escudo ABC
ABC

1

X

1

Escudo Botafogo
BOT

Após afastamentos, Botafogo visita um dos poucos adversários que venceu no Brasileiro

12 comentários

Compartilhe

Após afastamentos, Botafogo visita um dos poucos adversários que venceu no Brasileiro
Vitor Silva/Botafogo

Em busca de um fim digno de participação no Campeonato Brasileiro, o Botafogo volta a campo nesta terça-feira, às 16 horas, para enfrentar o Palmeiras, no Allianz Parque. Praticamente rebaixado, o time tentará encerrar uma série de seis derrotas contra um dos poucos adversários que superou na competição. O duelo é válido pela 33ª rodada.

DESAFIO COMPLICADO

Com apenas 23 pontos, o Botafogo só pode chegar aos 41. E precisaria de 5 vitórias seguidas para deixar a zona de rebaixamento sem que os quatro clubes à sua frente vencessem qualquer jogo. O problema é que o Botafogo só ganhou 4 dos 32 jogos que disputou na competição. Mas vai reencontrar um deles nesta terça-feira.

Em 7 de outubro, no Engenhão, o time superou o Palmeiras, que vinha em uma série invicta de 20 jogos, por 2 a 1. De lá para cá, porém, muita coisa mudou. E o Botafogo pouco venceu. Daquele duelo, boa parte do sistema defensivo foi mantido: Diego Cavalieri, Kevin, Kanu e Rafael Forster voltam a ser titulares. Mas só. Do meio para a frente, a formação que vai a campo nesta terça-feira é completamente diferente daquela.

MUDANÇAS

Essas constantes mudanças, aliás, são um sintoma das dificuldades do Botafogo na temporada, tanto que o time já usou 56 jogadores diferentes. E para o confronto com o Palmeiras voltará a ter desfalques, pois Victor Luis e Angulo não podem ser utilizados pelo técnico Eduardo Barroca, pois estão cedidos por empréstimo pelo Palmeiras. Além disso, o goleiro Gatito Fernández e o atacante Pedro Raul seguem entregues ao departamento médico.

E o Botafogo ainda terá problemas por questões disciplinares. O zagueiro Marcelo Benevenuto e o atacante Matheus Babi foram afastados por chegarem atrasados a um treino. A punição foi uma das medidas mais chamativas do início do trabalho do diretor de futebol Eduardo Freeland, que já planeja a temporada 2021, tendo dado início a uma reformulação do elenco.

“A gente sabe da dificuldade, sabe o quão difícil é essa missão, mas a gente tem que estar com a nossa dedicação acima do normal para tentar buscar alguma coisa. Isso também tem sido conversado. É importante a torcida do Botafogo entender e adequar a expectativa. O momento é muito delicado. Estamos desenvolvendo uma reformulação dentro de uma temporada, dentro de uma competição e temos que pensar no futuro sem deixar de olhar para o presente”, afirmou o dirigente.

DESFALQUES

Os novos desfalques reforçam a disposição de Barroca de dar chance a jovens, caso das três novidades da escalação contra o Palmeiras: o zagueiro Sousa, de 19 anos, e o meia Romildo e o atacante Rafael Navarro, ambos de 20 anos. São eles que tentarão ajudar o Botafogo a ter um fim de Brasileirão mais digno. E a sonhar com uma temporada 2021 de resgate da grandeza do clube.

Fonte: Futebol Interior

Comentários