Depois de ter proposta da Portuguesa recusada, Jeferson Paulista foi afastado e treinará no grupo 2 do Botafogo. A decisão pegou o jogador e seu empresário de surpresa. Agora, ele negocia com um clube catarinense da Série A.

– Ele não teve oportunidades. O Ricardo Gomes não teve nem tempo de observar o garoto. Estava tudo certo com a Portuguesa, onde ele teria espaço para jogar, mas decidiram segurá-lo. O Jeferson ficou porque sabe do carinho do torcedor do Botafogo. São cinco meses de salários, férias e FGTS atrasados. A maioria dos jogadores procurou o caminho da Justiça, mas o Jeferson abriu mão dessa situação e não teve sequer uma oportunidade no time – disse Paulo Ricart, empresário do jogador, ao site Globoesporte.com.

Fonte: Globoesporte.com