William Arão terá pela frente um adversário bem conhecido ao enfrentar o Flamengo, no próximo domingo, no Maracanã. Titular do Alvinegro neste início de ano, o camisa 8 vai enfrentar o amigo Wallace, parceiro de Corinthians durante duas temporadas. Do tempo de Timão, a dupla sustenta uma amizade que os fazem ser vizinhos agora no Rio de Janeiro. Até as famílias dos jogadores são próximas. O alvinegro não nega a admiração pelo “rival” .

— Conversamos sempre que possível. Ele me chama de filho e brinco ao chamá-lo de pai. No futebol, ele me ajudou muito como se portar dentro e fora de campo. Como jogador, ele me ajudou em questões de posicionamento e movimentação. De como me portar em determinadas ocasiões. Tenho alguma experiência por ter atuando com grandes jogadores como ele — disse Arão.

Ainda pelo Corinthians, o volante chegou a postar uma foto com o Wallace em uma rede social exaltando a amizade com o hoje defensor rubro-negro. Agora em lados opostos, William brincou sobre uma possível aposta para o clássico de domingo.

— Ainda não existe nada sobre uma possível aposta. Quem sabe não nos falamos durante a semana e apostamos um jantar para o vencedor — afirmou.

 

Jogador é um dos pilares do técnico René Simões neste início de Estadual
Jogador é um dos pilares do técnico René Simões neste início de Estadual Foto: Satiro Sodre/SSPress/divulgação

 

Para ganhar uma possível aposta, o volante cogita até virar o artilheiro do clássico. A possibilidade de decidir o duelo agrada Arão.

— Nesses últimos jogos estou chegando perto de marcar. O gol vai sair na hora certa. Tomara que saia no domingo. Mas o importante mesmo é que o time saia com a vitória.

Novato em clássicos cariocas, Arão se diz feliz pela nova fase no Botafogo e surpreso com a estrutura do clube.

— Estou feliz por ter assinado com o Botafogo. As pessoas que não passaram por aqui dizem que os clubes do Rio não têm estrutura. Mas nós temos tudo aqui. Confesso que fiquei surpreso — finalizou o jogador.

Fonte: Extra Online