“Andamos à procura de um jogador que possa acasalar com o Bas Dost”, assumiu Jorge Jesus no final do jogo com o Cova da Piedade, na quarta-feira passada, ao comentar a abordagem que o Sporting está a fazer ao mercado de transferências aberto até final do mês. Ao que O JOGO apurou, Gilberto, avançado de 28 anos que terminou contrato com o São Paulo a 31 de dezembro e se encontra livre para assinar por qualquer clube, é um dos nomes em equação pelos responsáveis da SAD leonina.

Gilberto, dianteiro móvel que tanto pode ser a referência do ataque como posicionar-se como segundo avançado – papel que lhe estaria destinado em Alvalade, caso as negociações sejam encetadas e sejam bem-sucedidas – tem na meia distância um dos seus principais atributos. Ao serviço do São Paulo, onde atuava no apoio à referência de ataque da equipa, Lucas Pratto, marcou apenas menos um golo do que o ponta de lança argentino (o aríete entretanto transferido para o River Plate atirou a contar por 14 ocasiões em 48 jogos, enquanto o avançado equacionado pelos responsáveis leoninos teve 13 tiros certeiros em 33 partidas).

Com 1,78 m e 70 kg, Gilberto faz da mobilidade e capacidade finalizadora as suas principais características. O facto de estar desvinculado e não acarretar encargos na operação de transferência a partir de outro clube pode jogar a seu favor. Contudo, não será só o Sporting a seguir o avançado de 28 anos. Gilberto terá, entre o lote de potenciais interessados na sua contratação, emblemas como Botafogo, Grémio e, sobretudo, o Corinthians.

Fonte: O Jogo