A relação de Zé Ricardo com o Botafogo sempre foi boa e trabalhada na confiança entre as partes. Tanto que o treinador iniciou a temporada atual com contrato terminando em abril. A renovação saiu do papel, e o profissional está garantido até o fim do ano. Antes de assinar, no entanto, o comandante realizou uma cobrança para a diretoria.

É que antes de acertar com o Botafogo, em 2018, Zé Ricardo fez algumas exigências. Queria a chegada de alguns reforços e também que os salários estivessem rigorosamente em dia. A primeira promessa foi cumprida, ao contrário da segunda. O Alvinegro vive crise financeira e não conseguiu pagar os funcionários sem atraso.

A situação incomodou bastante os atletas e, claro, o treinador. Gerir um grupo com salários atrasados não é fácil, e era uma situação que o comandante previu e tentou evitar. O objetivo foi alcançado. O Botafogo escapou do rebaixamento e ainda manteve uma base da equipe para a atual temporada.

Zé Ricardo, então, se sentiu confiante em seguir no Botafogo até o fim de 2019. Assim como fez antes de assinar, o treinador voltou a cobrar a diretoria. Lembrou que a promessa não foi cumprida da primeira vez, mas deu um voto de confiança. Assinou a renovação, mas espera salários em dia desta vez.

Quer se preocupar apenas com formas de fazer um time apresentar um desempenho melhor. Poder cobrar os jogadores de maneira que não tenha que ponderar atrasos salariais na equação. Escutou da diretoria que a expectativa é acabar com as penhoras e atravessar uma temporada tranquila.

O clube, inclusive, tem como objetivo manter Zé Ricardo por um longo período. Evidentemente que isso depende de uma série de fatores, mas o bom relacionamento e admiração mostram um caminho a ser trilhado. O treinador, por sua vez, espera que os problemas financeiros sejam sanados para que as duas partes estejam na mesma página.

Após estrear com derrota para a Cabofriense, o Botafogo volta a campo nesta quarta-feira, às 19h15 (horário de Brasília), no Nilton Santos. Pressionado pela torcida, o time entra em campo para mudar o quadro antes de enfrentar o Flamengo, na 3ª rodada.

Fonte: UOL