Contratado para substituir René Simões, o técnico Ricardo Gomes estreou pelo Botafogo no empate sem gols com o Luverdense, em casa. O resultado esteve longe de agradar aos torcedores, porém, existe a certeza de que ainda é cedo para cobrar o treinador, que está conhecendo o elenco e voltou a trabalhar quatro anos após ficar afastado por causa de um Acidente Vascular Cerebral (AVC).

Apesar de os dirigentes botafoguenses não confirmarem, qualquer cobrança ao treinador só será feita a partir do segundo turno da Série B do Campeonato Brasileiro.

Ainda pelo primeiro turno, o Botafogo terá três compromissos pela frente. No próximo sábado, às 16h30(de Brasília), o time visita o Santa Cruz no Estádio Arruda, em Recife (PE), pela 17ª rodada. Na próxima terça-feira, enfrentará o ABC, em casa. Por fim, encerra o turno atuando em Belo Horizonte (MG) contra o América-MG.

O segundo turno para o Botafogo só vai começar no dia 22 de agosto, quando o time recebe o Paysandu no Rio de Janeiro. Até lá, Ricardo Gomes terá tempo para conhecer melhor o elenco e contar com alguns jogadores que ainda estão se recuperando de lesão, como o lateral-direito Luis Ricardo, considerado titular.

O prazo dado ao treinador também leva em consideração a perda de importantes jogadores que acabaram deixando o clube. O lateral-direito Gilberto se transferiu para a Fiorentina, da Itália, enquanto o volante Marcelo Mattos teve contrato rescindido por questão salarial. O ataque então titular, Rodrigo Pimpão e Bill, foi desfeito.

“Perdemos jogadores importantes e com certeza o Ricardo Gomes vai começar a trabalhar no sentido de encontrar a melhor maneira de jogar. Sabemos que não podemos perder posições, que brigamos pela primeira posição e que temos um compromisso com a torcida e com o clube. A saída de jogadores não deve servir de desculpa para que a gente não consiga atingir nossos objetivos. Trabalho não vai faltar e estamos confiantes de que vamos encontrar o melhor caminho”, disse o meia Diego Jardel.

A definição do time que vai a campo contra o Santa Cruz deverá acontecer no treino desta quinta-feira à tarde. Ricardo Gomes poderá promover mudanças no meio-de-campo, na parte de criação, e no ataque para ver se o rendimento ofensivo do time crescerá, já que passou em branco nos dois últimos jogos.

Fonte: Gazeta Esportiva