Após mais de dez horas entre Montevidéu (Uruguai) e uma escala em São Paulo, o Botafogo chegou ao Aeroporto do Galeão, no Rio. Mas depois da vitória sobre o Nacional, no primeiro jogo das oitavas de final da Copa Libertadores da América, o discurso continuou sendo de manter a calma. Até para o autor do gol do triunfo, João Paulo.

– Estava incomodando um pouco esse longo período (sem fazer gol. Foi o primeiro dele pelo Glorioso). Espero que seja um gol importante para concretizarmos a classificação no próximo mês – afirmou João.

Cerca de 30 torcedores recepcionaram e festejaram os jogadores alvinegros e o técnico Jair Ventura. Ele repetiu o discurso a negou ter sido uma vantagem confortável a obtida no Estádio Parque Central.

– Ainda não conseguimos a classificação. Vamos manter os pés no chão para conseguirmos em casa. Não tem nada de boa vantagem. É uma vantagem muito pequena explica o treinador.

O Botafogo se reapresenta neste sábado à tarde, no Estádio Nilton Santos. A atividade é a única entre um jogo e outro, antes da partida contra o Atlético-MG, pelo Campeonato Brasileiro.

Fonte: Terra