As finalizações do Botafogo têm tirado o sono dos torcedores. O time é o terceiro que mais erra no fundamento, na competição. São 105, contra 108 do Cruzeiro e 110 do Internacional. No último jogo, derrota para o Corinthians, muitas pararam no goleiro Cássio. Agora, contra o Flamengo, o atacante Rodrigo Pimpão quer que o Glorioso volte a balançar a rede, mesmo que não seja ele o autor do gol.

– Exatamente. Claro que queremos fazer gol em todas as partidas, mas não é fácil fazer gol. Eu sempre digo que me importo mais em ajudar o Botafogo da melhor forma – explicou, antes do treino desta sexta-feira.

O atacante, que obrigou o goleiro do Alvinegro Paulista a fazer duas boas defesas, deve começar jogando neste sábado, contra o Rubro-Negro. É possível até que Aguirre ou Luiz Fernando também retome a vaga e João Pedro e Ezequiel deixem o time. Seja quem for, a pontaria do Bota precisa melhorar.

– Treinamento existe. Fazemos treinamento de finalizações, mas só quem está ali dentro para saber o real motivo do erro. Às vezes o posicionamento do corpo, às vezes a bola vem diferente. Às vezes, pedimos para treinar mais para melhorarmos essa estatística – explica.

Fonte: Terra