Artilheiros no ano, Seedorf, Lodeiro e RM sofrem com jejuns

Compartilhe:

O Botafogo teve uma clara queda de rendimento. Em seus últimos 10 jogos, o time sofreu três derrotas, venceu quatro vezes e teve três empates. A sequência está diretamente ligada aos gols marcados pelos seus principais artilheiros: Rafael Marques (17 gols em 2013), Seedorf (12) e Lodeiro (12).

Para se ter uma ideia do impacto, o Botafogo havia perdido apenas quatro vezes antes da série, que começou com a derrota por 2 a 0 para o Atlético-PR.

Nesse mesmo período Seedorf não fez gols, enfrentando um jejum de 10 jogos sem marcar, o maior de sua passagem pelo Botafogo. Lodeiro vive situação semelhante, com nove jogos seguidos em branco, também a sua pior série no clube.

A exceção é Rafael Marques, que não marca há seis jogos, mas já viveu momento pior. Antes de seu primeiro gol com a camisa do Botafogo, ele passou por uma espera de 20 jogos.

Rafael Marques é o artilheiro da Copa do Brasil, com cinco gols, ao lado de Walter, do Goiás. Além disso, lidera o Botafogo no Campeonato Brasileiro, com oito. Nessa série de 10 jogos, ele fez apenas dois gols.

No período de jejum dos principais artilheiros, o Botafogo com o surgimento de Hyuri, que já fez três gols, e o oportunismo de Elias, autor de sete, para se manter na segunda colocação do Campeonato Brasileiro.

– Ainda falta corrigir alguma coisa. É difícil manter o nível pela quantidade de jogos que tem. Só dá para se recuperar. Vou melhorar, jogando melhor e ajudando ainda mais o time – disse Lodeiro.

Neste sábado, às 21h (de Brasília), o trio de artilheiros do time estará mais uma vez em campo, contra a Ponte Preta, no Maracanã. No primeiro turno, o Botafogo venceu por 2 a 0 e Seedorf fez o primeiro gol. O segundo foi do zagueiro Antônio Carlos, agora no São Paulo.



Fonte: Globoesporte.com
Comentários