O Botafogo se portou bem na derrota para o Corinthians por 2 a 0, nesta quarta-feira (18), o que fez Marcos Paquetá exaltar os pontos fortes da equipe em sua entrevista coletiva. O treinador viu o copo ‘meio cheio’, aprovou o comportamento do time e a lealdade à estratégia traçada.

“Temos que parabenizar as duas equipes pelo espetáculo que deram; foi um jogo aberto e franco. Temos que ter sempre personalidade e não perder nossas características: jogar buscando o gol, ter a posse de bola e jogando agressivamente para criar situações de gol”, pede o treinador, que viu o goleiro Cássio como “fundamental para o Corinthians”.

Foram 21 finalizações botafoguenses, pelas contas de Paquetá. “Pelo volume que tivemos, a intensidade em que jogamos, esta é uma equipe que tem muita coisa a ganhar na competição”, afirma o treinador, que já pensa no próximo compromisso ainda que não veja nada de muito especial no confronto com o Flamengo.

“É um jogo como outro qualquer, entre duas equipes rivais. Estou pensando mais no que a gente pode melhorar na nossa equipe; com os ajustes, temos a melhorar. Vamos buscar o resultado, o Botafogo tem que jogar para frente”, promete, contra o líder do Campeonato Brasileiro.

O revés em Itaquera deixa o time botafoguense na décima posição, com 17 pontos. O duelo com o Flamengo será às 19 horas (de Brasília) deste sábado (21), no Maracanã.

Fonte: UOL