Usamos cookies para anúncios e para melhorar sua experiência. Ao continuar no site você concorda com a Política de Privacidade.

Jogos

Carioca

25/04/21 às 18:00 - Nilton Santos

Escudo Botafogo
BOT

X

Escudo Macaé
MAC

Carioca

17/04/21 às 16:00 - Maracanã

Escudo Fluminense
FLU

1

X

0

Escudo Botafogo
BOT

Copa do Brasil

14/04/21 às 21:30 - Frasqueirão

Escudo ABC
ABC

1

X

1

Escudo Botafogo
BOT

Atuação não convence, mas entrega e poder de reação dão ânimo ao Botafogo na luta contra o Z4

13 comentários

Compartilhe

Elenco - Coritiba x Botafogo
Vitor Silva/Botafogo

Sob o fantasma das 12 partidas sem vencer e das sete derrotas consecutivas, o Botafogo precisava vencer a qualquer custo, neste sábado, diante do Coritiba. E assim o fez. Mesmo sem uma atuação empolgante, a equipe alvinegra foi capaz de contornar uma situação adversa, venceu por 2 a 1 e saiu do Couto Pereira com três pontos essenciais na luta contra o rebaixamento.

Em primeiro lugar, é importante destacar a entrega dos jogadores em campo, muito criticada em partidas recentes. Tratada como prioridade na chegada de Barroca, a mudança de postura já tinha se tornado visível diante do Inter, no último sábado, e se consolidou no confronto direto contra o Coritiba. A disposição, inclusive, foi motivo de elogio do treinador na entrevista coletiva.

– Estou feliz pela vitória, bastante feliz pela entrega dos jogadores. O Botafogo mereceu por tudo o que fez na partida. Os jogadores se dedicaram e se entregaram, então a vitória é deles. Estou muito satisfeito com a postura. Já foi assim contra o Inter, foi uma injustiça não termos tido melhor resultado no Beira-Rio. Esse jogo vai ficar marcado na nossa caminhada final como uma referência de entrega e dedicação, que a gente vai precisar ter até o final.

Outro ponto a se destacar na partida foi o poder de reação do Botafogo, principalmente na volta do intervalo. Após começar melhor no jogo, o clube saiu atrás do placar e pareceu ter sentido o gol de Neilton. Apesar disso, na etapa final, a equipe apresentou um equilíbrio emocional que não vinha apresentando e conseguiu reverter o placar em apenas sete minutos.

A última vitória de virada do Botafogo havia sido em 30 de janeiro, um 2 a 1 diante do Resende, ainda pela Taça Guanabara. Desde então, foram 18 partidas em que a equipe saiu atrás do placar, somando todas as competições. Desse total, o Alvinegro conseguiu empatar em cinco oportunidades e saiu derrotado nas outras 13.

– Acho que o Botafogo fez um bom primeiro tempo, só que infelizmente cometemos uma pequena falha e o Coritiba aproveitou a oportunidade. Foi muito ruim, porque depois desse gol, a gente deu uma desestabilizada. No intervalo, a gente precisou se reequilibrar e voltar para o jogo emocionalmente. Foi basicamente isso que eu trabalhei com eles no vestiário – disse Barroca, após a vitória no Couto Pereira.

PROBLEMAS ANTIGOS SE MANTÊM

Por outro lado, só esses elementos não são suficientes para manter o Botafogo vivo na luta contra o rebaixamento. Sem dúvidas, há muitos pontos fracos na equipe que precisam ser trabalhados, principalmente para enfrentar adversários mais fortes que o Coritiba.

Uma dessas fragilidades é a forte dependência das bolas paradas e dos cruzamentos na área, o que torna o ataque alvinegro previsível para as defesas rivais. Mais uma vez, os pontas titulares (Kalou e Warley) tiveram atuações apagadas e foram substituídos quando o Botafogo ainda perdia. Eles se juntam a uma lista extensa de atletas que tiveram oportunidades nas últimas partidas e decepcionaram, como Bruno Nazário, Lucas Campos e Rhuan.

Outra questão que merece atenção são as sucessivas falhas defensivas. Após o lance inusitado que culminou na derrota para o Inter, Kevin quase se tornou o vilão novamente. O lateral-direito cometeu um pênalti bobo nos minutos finais no jogo deste sábado e deu a oportunidade do Coritiba empatar já nos acréscimos. Por sorte, Sabino isolou e o 2 a 1 se manteve até o fim da partida.

Com a importante vitória, o Botafogo saiu da lanterna e assumiu a 18ª posição, com 23 pontos conquistados. A equipe está agora a cinco pontos do Bahia, primeiro clube fora da zona de rebaixamento. A próxima partida do Alvinegro será no próximo domingo, às 16h, diante do Corinthians, no Nilton Santos.

Fonte: Terra

Comentários