Basquete: Wes brilha, Botafogo bate Joinville e segue na luta pela ponta da Liga Ouro

Compartilhe:

Em sua segunda parada na excursão por Santa Catarina, o Botafogo se recuperou em grande estilo da derrota para o Blumenau na última rodada. A reação veio diante do Joinville, em um jogo no qual o time carioca assumiu a liderança logo no começo, chegou a abrir mais de 20 pontos depois e conseguiu frear a aproximação do rival no fim para garantir a vitória por 88 a 82.

Põe na conta: Vice-líder da Liga Ouro, o Botafogo chegou à décima vitória em 15 jogos e segue na briga pelo topo com o Contagem Towers, que também soma dez vitórias, mas em uma partida a menos. Já o Joinville, garantido em terceiro lugar, tem campanha de nove triunfos e sete derrotas.

O cara: Muito da vitória do Botafogo passa pelo grande desempenho do ala Wes, que teve uma das melhores atuações individuais desta edição da Liga Ouro. O norte-americano acertou 13 dos 22 arremessos que tentou e marcou 31 pontos. Além disso, pegou seis rebotes, roubou cinco bolas e deu quatro assistências.

Também ajudaram: Outros três jogadores do Botafogo atingiram os dois dígitos em pontos. O armador Jamaal somou 14 pontos, cinco assistências e três rebotes. O também armador Arnaldinho colaborou com 13 pontos e quatro rebotes. E o pivô Abner apareceu com 12 pontos.

Tentaram: O ala Vezarinho não conseguiu evitar a derrota do Joinville, mas teve atuação de destaque na partida. Foram 24 pontos para ele. O ala-pivô Maxwell foi outro que teve boa apresentação, com 19 pontos e cinco rebotes.

10 x 0: Os times trocaram cestas no começo do jogo e se revezaram no placar. Quando restavam cerca de dois minutos para o fim do primeiro quarto, Jefferson Socas fez uma cesta que deixou o Joinville à frente por 17 a 16. Mas as coisas mudaram depois disso, pois o Botafogo respondeu com dez pontos consecutivos, abriu distância e não voltou mais a ser ultrapassado.

Disparou de vez: Depois desta corrida de dez pontos seguidos e de assumir as rédeas do confronto, o Botafogo continuou abrindo distância. Foi para o intervalo ganhando por 15 pontos (46 a 29) e chegou a ter 22 de frente quando restavam pouco menos de quatro minutos por jogar no terceiro quarto, após um par de lances livres certeiros de Arnaldinho, que deixou o marcador em 65 a 43 para a equipe carioca.

Controlou a reação: Impulsionado por Vezarinho e Maxwell, que anotaram oito pontos cada um, o Joinville encaixou um bom ritmo ofensivo no último período e conseguiu ir se aproximando cada vez mais no placar na medida em que o jogo foi chegando no fim. Mas o Botafogo segurou a reação no fim e impediu que a diferença para o adversário baixasse de seis pontos.

E agora? O Botafogo continua em Santa Catarina para encarar o Brusque no sábado. Já o Joinville encerrou a sua participação na fase de classificação e aguarda a definição dos confrontos dos playoffs.

Fonte: Site oficial da LNB

Comentários