O gol de Pablo, já nos acréscimos, foi golpe duro demais para um time que fez boa partida diante de um São Paulo bem mais qualificado.

Mesmo sem Alex Santana e Diego Souza, que reduz o ímpeto do time, Eduardo Barroca tentou fazer valer o mando de campo.

E esteve perto de conseguir ao menos um ponto.

O time fez bom primeiro tempo, mas, no segundo, faltaram forças física e mental para impedir que as alterações de Cuca surtissem efeito.

O Botafogo tem jogado no limite de suas forças e o padrão parece ter caído diante de tantas mazelas.

Nos últimos seis jogos, conseguiu apenas uma vitória.

Fonte: Blog do Gilmar Ferreira - Extra Online