Blog do ‘Extra’ muda de opinião rápido e já considera G-4 definido, com o Botafogo

Compartilhe:

Nas últimas sete edições do Campeonato Brasileiro, mais precisamente desde que a competição passou a ser disputada por vinte clubes, o quarto colocado não fez menos do que 61 pontos _ vejam:

4º EM 2012 – 66 PONTOS / SÃO PAULO

4º EM 2011 – 61 PONTOS / FLAMENGO

4º EM 2010 – 63 PONTOS / GRÊMIO

4º EM 2009 – 62 PONTOS / CRUZEIRO

4º EM 2008 – 65 PONTOS / PALMEIRAS

4º EM 2007 – 61 PONTOS / FLUMINENSE

4º EM 2006 – 64 PONTOS / SANTOS

Portanto, se este passa a ser um número de referência para quem almeja a vaga na Libertadores de 2014 sem ter que esperar pelo campeão da Copa do Brasil ou da Sul-Americana, já não há dúvidas: os quatro primeiros serão Cruzeiro, Botafogo, Grêmio e Atlético-PR.

A média de pontos alcançadas por quem somou apenas 40 pontos (casos de Vitória, Inter e Goiás) teria de passar de 1,4 pontos por partida para 2,1.

E torcer para que os quatro lá de cima tivessem média inferior a 1,3.

Ou seja: campeão definido, já fizemos as contas na semana passada, representantes no G-4 também.

Ok.

Pela lógica matemática, os próximos 30 pontos disputados servirão para que possamos conhecer os piores deste ano.

BOTAFOGO 2 X 1 FLAMENGO.

Talvez tenha vencido o time mais inteligente, embora tenha achado o Flamengo com mais volume de jogo no início e no finalzinho.

Mas com o futebol limitado do jeito que está, a vitória nos clássicos vem de detalhes sutis.

Seedorf e Rafael Marques souberam fazer a leitura tática, sobretudo o primeiro, alargando as bolas, obrigando o desdobramento dos rubro-negros na marcação.

A evolução técnica e tática do time de Jayme de Almeida é inegável, mas o comportamento tem sido comprometido pelo rendimento físico no segundo tempo.

Por mais que os jogadores tentem se superar, falta o gás.

E o Botafogo de Seedorf e Rafael Marques, mesmo sem a superioridade inconteste, acabou levando a melhor.

NOTA DA REDAÇÃO FN: Há uma semana, o mesmo blog publicou que achava difícil ver o Botafogo na Libertadores. Leia!

Fonte: Blog do Gilmar Ferreira - Extra Online

Comentários