BOTAFOGO 1 x 0 CORINTHIANS.

Time alvinegro foi heroico e superou limitações com entrega incomum.

Esteve longe de fazer uma boa partida, com 34% de posse de bola e dez finalizações, e gerou mais sobressaltos do que satisfação.

Em parte, é claro, pela vantagem obtida com o gol de Diego Souza, aos 18 de jogo – condição que, em grosso modo, determinou a postura do time.

O Corinthians, com 64.6% de posse e 21 finalizações, esteve mais próximo do empate do que os alvinegros do segundo gol – mas errou 16 arremates.

Os seis pontos somados nos dois últimos jogos em casa (Avaí e Corinthians) são, em parte, méritos da torcida que empurrou o time no Nílton Santos.

Torcida que, aliás, mostrou à diretoria do clube que não basta ter estádio: é preciso saber enchê-lo.

O Botafogo chegou aos 39 pontos e tem mais dois jogos a cumprir em seu estádio, contra Internacional-RS e Ceará, na última rodada.

Mas uma vitória sobre a Chapecoense, em Chapecó, no próximo jogo, já encaminha o livramento.

Que assim seja.

Fonte: Blog do Gilmar Ferreira - Extra Online