Bolívar nega ter proposta: ‘Quero encerrar minha carreira aqui’

Compartilhe:

A notícia de que uma proposta de um clube dos Emirados Árabes, interessado no seu futebol, irá chegar para o Botafogo nesta sexta-feira, pegou Bolívar de surpresa. Ao atender a reportagem do LANCE!Net, na noite desta quinta, o zagueiro mostrou-se surpreso para falar do assunto, sendo taxativo na resposta.

– O quê? Proposta? Não estou sabendo da chegada de proposta nenhuma. Quero renovar meu contrato e encerrar minha carreira neste clube pelo qual me apaixonei. Não tenho nenhuma intenção de deixar o Botafogo. Me adaptei muito bem ao clube e à cidade – afirmou o zagueiro, direto de Santa Cruz do Sul (RS), onde passa os dias de folga do Botafogo, durante a parada do Campeonato Brasileiro.

Aos 32 anos, Bolívar chegou ao Botafogo em janeiro vindo do Internacional e logo se firmou no time titular. Segundo o jogador, que tem contrato até o fim de 2013, ele, e o clube, já demonstraram interesse na prorrogação do vínculo, mas ainda não houve nenhuma reunião para tratar do assunto.

Na próxima terça-feira, dia 18, Bolívar e o restante do elenco se reapresenta ao técnico Oswaldo de Oliveira. Depois da conquista do campeonato Carioca, o jogador reafirmou seu desejo de ficar no clube e falou dos planos para o futuro.

– Conquistamos o Estadual, mas é muito pouco. Estamos com ótimas perspectivas para este ano e não tenho porque sair. Quero ser campeão e, como disse quando fui apresentado em janeiro, quero fazer história no Botafogo – afirmou.

Além da proposta do clube dos Emirados, Bolívar recebeu proposta do Grêmio recentemente, mas recusou. Além disso, o defensor interessa a um clube de São Paulo, que ainda não formalizou uma oferta pelo botafoguense. Por sua vez, a diretoria do Botafogo, sabendo da possibilidade da chegada da proposta pelo jogador, disse ao empresário dele que não tem nenhuma intenção de liberá-lo.

Como os direitos econômicos de Bolívar pertencem a ele próprio, para um clube tirá-lo de General Severiano é necessário que haja a liberação do Botafogo, mediante ao pagamento da multa rescisória.

Fonte: Lancenet!

Comentários