Com quatro desfalques importantes , o técnico Vagner Mancini aposta em uma formação com três volantes para o Botafogo vencer o Grêmio, nesta quarta, às 22h, no Estádio Alfredo Jaconi, em Caxias do Sul, e melhorar sua posição na tabela do Campeonato Brasileiro. Com apenas quatro pontos em cinco jogos, o Glorioso ocupa a 15º posição na tabela de classificação, com aproveitamento de 26% dos pontos disputados.

Sem poder contar com Jefferson, que cumpre descanso obrigatório imposto pela Fifa; Lodeiro, que está de saída do clube; Dória, na seleção brasileira sub-21; e Daniel, machucado, o técnico Vagner Mancini optou por Renan, Airton, André Bahia e Carlos Alberto, que fará a sua reestreia pelo Alvinegro. A outra mudança no meio é de ordem técnica. Jorge Wagner, que não atravessa boa fase, será poupado.

“Em termos de formação tática não houve mudança, já que o Jorge Wagner vinha jogando como terceiro volante pelo lado esquerdo. Acho que o Airton dá mais um pouquinho de segurança na marcação e na bola alta. A entrada do Carlos Alberto nos permitirá um pouco mais de retenção de bola. É obvio que o Botafogo ganha com ele e perde em algumas coisas. Nesse perde e ganha, acredito que dê um equilíbrio bom”, analisou o técnico.

Mesmo reforçando a marcação, Mancini não acredita que o time perderá o poder ofensivo. “Individualmente, o Botafogo tem um ataque de peso. O Carlos Alberto, o Zeballos e o Emerson podem decidir uma partida. São atletas de ponta, vencedores e tecnicamente muito bons. Isso faz diferença dentro do elenco, já que o atleta mais jovem também enxerga isso”, comentou o treinador.

Fonte: O Dia Online