Botafogo dribla calor e vence Al-Ahli na estreia do Mundialito de Clubes na areia

Compartilhe:

O Botafogo estreou com vitória no Mundialito de Clubes de futebol de areia ao vencer o Al-Ahli, por 2 a 0, na arena montada na Praia de Copacabana, na Zona Sul do Rio de Janeiro. Com uma boa exibição de Alan, Be Martins e Leandro Fanta, o Glorioso superou o forte calor e a equipe árabe que contava com Madjer e Belchior, destaques da seleção de Portugal.

Be Martins, de pênalti, e Alan, garantiram o bom resultado botafoguense. Destaque para as boas defesas do goleiro Leandro Fanta, que, principalmente no terceiro tempo, foram decisivas nos números finais do placar.

Início morno
em Copacabana

Com o forte calor no Rio, as equipes começaram o duelo em ritmo lento. Arriscando pouco, o Botafogo esboçava alguns chutes de longe, até que Alan acertou a finalização, obrigando Al Jasmi a espalmar. No rebote, Be Martins tentou se posicionar para o chute, mas acabou derrubado por Belchior dentro da área: pênalti para o Glorioso. Na cobrança, o próprio Be Martins bateu forte e abriu o placar em 1 a 0. Na sequência, Hasam Ali, sósia do corredor jamaicano Usain Bolt, teve a oportunidade de empatar, mas de frente para o goleiro Fanta chutou por cima do travessão. Fim da primeira etapa.

Be Martins comemora o primeiro gol diante do Al-Ahli no Mundialito de Clubes (Foto: Frame SporTV)
Be Martins comemora o primeiro gol diante do Al-Ahli no Mundialito (Foto: Frame SporTV)

Fanta garante e Alan marca para o Botafogo

O segundo tempo começou mais movimentado. Depois de uma bola na trave do português Madjer, e outra de Fred Mazzei, o duelo ficou mais veloz e pegado. Enquanto o Botafogo apostava em Alan, o Al-Ahli arriscava com Madjer, que de bicicleta quase surpreendeu o goleiro Fanta. Restando 7 minutos, o arqueiro alvinegro lançou Be Martins na ala esquerda. Ele tocou para Alan só empurrar para o gol de Al Jasmi e aumentar a vantagem botafoguense em 2 a 0.  No fim, Belchior ainda tentou descontar de bicicleta, mas a bola passou do lado da meta alvinegra.

Goleiros garantem o placar

A última etapa contou com o Al-Ahli arriscando da forma que dava para diminuir o marcador. Madjer passou a jogar mais no campo ofensivo, mas a equipe dos Emirados Árabes perdeu qualidade na armação das jogadas. Nos contra-ataques o Botafogo buscava ampliar, mas esbarrava nas boas defesas de Al Jasmi. Do lado botafoguense Leandro Fanta também fazia importantes defesas e não dava ânimo para a equipe árabe buscar a reação. Fim de jogo com a vitória do Botafogo por 2 a 0.

Fonte: Globoesporte.com

Comentários