O Botafogo, último colocado do Campeonato Brasileiro, vem tendo uma semana conturbada. Após três derrotas consecutivas, a sede do clube foi invadida na terça-feira, por membros de torcidas organizadas, que chegaram a ameaçar alguns atletas. Neste clima de pressão, o Botafogo se prepara para o duelo contra o Vitória no domingo, às 11 horas (de Brasília), no Raulino de Oliveira, em Volta Redonda, pela sétima rodada.

“Sabemos que o Botafogo não está atravessando o melhor momento no Campeonato Brasileiro e é natural que exista a cobrança. Não podemos permitir que isso interfira no rendimento dentro de campo. Contra o Vitória, a tranquilidade precisa ser nossa arma, senão vamos ter dificuldades. O adversário é perigoso e não podemos dar margem para que eles aproveitem erros nossos”, disse o volante Bruno Silva.

A ordem no é ter tranquilidade. “Precisamos de muita tranquilidade. Não podemos deixar que a bola pese nos nossos pés, porque isso piora a situação. É importante lembrar que temos 90 minutos para definirmos o confronto. Vamos enfrentar um adversário de qualidade, mas temos que reagir”, explicou o atacante Ribamar.

O meia Leandrinho, por sua vez, lembrou da importância do resultado. “O Botafogo precisa da vitória e se isso acontecer vamos ter mais tranquilidade para trabalharmos. Portanto, não podemos deixar a pressão nos prejudicar. Temos que recuperar o bom nível de atuações do Campeonato Carioca”, disse o jovem.

O Botafogo terá mudanças para o jogo contra o Vitória. O lateral-direito Luis Ricardo, recuperado de fadiga muscular, o lateral-esquerdo Diogo Barbosa, livre de lesão na coxa esquerda, e o volante Airton, que não sofre mais com contusões na perna esquerda, devem voltar ao time. Ricardo Gomes vai promover, também, a estreia do goleiro Sidão, contratado após se destacar pelo Audax, no Campeonato Paulista.

O treinador tem uma dúvida de ordem tática: Fernandes e Gegê disputam um lugar no meio. O primeiro tornaria a marcação mais forte, enquanto o segundo daria mais criatividade ao setor, tornando a equipe mais ofensiva.

Assim, o esboço do time para domingo tem: Sidão, Luis Ricardo, Emerson Silva, Emerson Santos e Diogo Barbosa; Aírton, Bruno Silva, Fernandes (Gegê) e Leandrinho; Anderson Aquino e Ribamar. Neste sábado, o plantel treina pela manhã e depois começa o período de concentração para o confronto diante dos baianos.

Fonte: ESPN.com.br