Com calendário apertado, Botafogo prevê folga só de 3 dias e ‘perder muito jogador’ para a próxima temporada

38 comentários

Por FogãoNET

Compartilhe

Túlio Lustosa, gerente de futebol do Botafogo
Vítor Silva/Botafogo

A temporada de 2020 no Brasil se encerra em 24 ou 25 de fevereiro, quando será realizada a última rodada do Campeonato Brasileiro. Três dias depois, já há o início do Campeonato Carioca-2021. A Copa do Brasil começa em 3 de março. Neste cenário, o Botafogo começa a traçar seu planejamento.

Com grande risco de rebaixamento para a Série B, o Botafogo não pretende dar descanso longo e imagina reformulação do elenco.

– A folga que dá para ter é de dois, três dias. As férias já foram tiradas. Vai ter uma recuperação para desacelerar, mas nada longa. A gente sabe que vai emendar, que vai perder muito jogador, tudo isso está sendo levado em conta – afirmou o gerente de futebol, Túlio Lustosa, a “O Globo”.

A Ferj permitirá o uso de times alternativos no Campeonato Carioca apenas nas três primeiras rodadas. A entidade colocou no regulamento que, a partir da quarta rodada (20 de março), o clube que, “sem justo motivo, deixar de utilizar sua equipe considerada principal”, perderá a cota de TV do jogo em questão. No momento, a competição ainda não tem contrato de transmissão com qualquer emissora.

Fonte: Redação FogãoNET e O Globo

Notícias relacionadas