O Botafogo não era o favorito contra o Internacional no domingo, ainda mais por atuar fora de casa, mas acabou dominando a maior parte do jogo e venceu por 3 a 2. O resultado diante do vice-líder do Campeonato Brasileiro passou a servir de exemplo na visão dos atletas.

“Tivemos uma atuação que nos passa confiança para a sequência do trabalho, mesmo nos jogos mais complicados”, disse o meia Camilo, que estreou no domingo com um gol e uma assistência. “Portanto, podemos sim dizer que temos um norte em termos de atuação. O duelo contra o Internacional foi complicado, mas foi a nossa atitude que permitiu ao Botafogo se impor desde cedo e mostrar que é uma equipe que também conta com muita qualidade neste Campeonato Brasileiro. Podemos subir na tabela de classificação.”

O goleiro Sidão pensa de maneira parecida. “O Internacional é muito forte jogando em casa, tanto que está brigando pela liderança do Campeonato Brasileiro. Mesmo assim, o Botafogo conseguiu dominar boa parte das ações e controlar a partida. Isso serve de exemplo para a sequência da competição. Temos que nos espelhar naquilo que foi feito no começo”, disse.

Lembrando o confronto com os colorados, o zagueiro Emerson Silva  já antecipou o desafio que o time terá pela frente, diante do Atlético Mineiro, previsto para a próxima quinta-feira, às 21h (de Brasília), no Mineirão, em Belo Horizonte (MG), pela 12ª rodada.

“O jogo contra o Atlético Mineiro guarda semelhanças com a partida contra o Internacional e vai exigir da gente um esforço bem parecido. Por isso mesmo é importante que a gente tenha uma atuação semelhante à que mostramos no Rio Grande do Sul, principalmente no primeiro tempo e no começo da segunda etapa, quando abrimos dois gols de vantagem e poderíamos ter liquidado a partida. Não podemos mais é cometer vacilos”, disse o defensor.

Com a documentação regularizada na CBF, o atacante Rodrigo Pimpão vai ser relacionado e pode inclusive ser titular. Com dores na coxa esquerda, o volante Airton ainda é dúvida, e Rodrigo Lindoso está de sobreaviso para a vaga de volante. Já o atacante Sassá se recuperou das dores musculares e treinou normalmente nesta terça-feira, e deve ficar à disposição do técnico Ricardo Gomes para o duelo em Belo Horizonte.

O time para esta partida será definido no treino previsto para a manhã desta quarta-feira, em General Severiano. Após a atividade desta quarta, a delegação segue para a capital mineira.

Fonte: ESPN.com.br