Apesar da derrota na primeira partida das oitavas de final da Copa Sul-Americana, diante do Atlético-MG, na semana passada, a torcida do Botafogo mostrou confiança para o duelo da volta. Não à toa, Belo Horizonte foi ‘invadida’ pela torcida do Glorioso, que compareceu em peso na Arena Independência, na última quarta-feira, para a partida contra a equipe mineira.

Nas redes sociais, era possível ver uma mobilização de torcedores indo para terras mineiras desde a noite de terça-feira. Mesmo com o resultado adverso, os torcedores demonstraram confiança em uma possível classificação. Com a bola rolando, porém, a coisa não andou da maneira que os botafoguenses pensavam, já que a equipe de Eduardo Barroca foi derrotada por 2 a 0 e deu adeus à competição.

O resultado negativo, porém, não pode ser colocado na ‘conta’ da torcida, que ocupou por completo o setor visitante da Arena Independência, o que resulta em, aproximadamente, 2280 torcedores. Antes e durante a partida, foi possível ouvir a festa dos torcedores alvinegros.

A missão para chegar ao Independência, inclusive, não foi fácil. Relatos de torcedores presentes indicam que a revista de segurança antes da entrada ao Independência era demorada e rígida, o que resultou na demora na entrada de pessoas – alguns até perderam o início da partida por estarem nas filas para serem revistadas – para assistir o duelo.

A festa dos torcedores do Botafogo começou cedo. Na parte da tarde, os botafoguenses fizeram o ‘pré-jogo’ no Bar do Nivaldo, localizado próximo ao Independência. É importante ressaltar que, apesar do bom número de espectadores das duas equipes no estádio, nenhuma confusão entre torcidas foi vista.

Mesmo com a eliminação, a torcida do Botafogo deu uma demonstração de apoio à equipe. Agora, a equipe comandada por Eduardo Barroca foca suas atenções apenas no Campeonato Brasileiro; o próximo compromisso da equipe será no próximo domingo, diante do Avaí, na Ressacada.

Fonte: Terra