Em evento na noite desta quinta-feira no salão nobre de General Severiano, o grupo ‘Mais Botafogo’ lançou oficialmente a chapa ouro, que, como já é sabido, terá uma inversão nos cargos atuais: Carlos Eduardo Pereira, o Presidente, concorre como vice. Já Nelson Mufarrej, atual vice, é quem tentará suceder CEP no triênio 2018-2020. A dupla, claro, bateu na tecla da continuidade do trabalho iniciado em 2015:

– Eu aprendi desde criança: em time que está ganhando não se mexe e vamos continuar juntos. Temos que dar esta continuidade senão o Botafogo não vai sobreviver. Vamos continuar trabalhando com esta seriedade – prometeu Mufarrej, antes de acrescentar:

– Nosso programa é esse: dar continuidade. Não tem o que inventar. Não temos que contratar profissionais pois o que temos aqui já são ótimos – completou o candidato da situação.

Já o atual presidente Carlos Eduardo Pereira preferiu falar da suposta ameaça que o clube sofre caso Mufarrej não seja eleito. Aos olhos do atual mandatário, que quer um pouco mais de descanso, a chapa de Marcelo Guimarães é um retrocesso para o clube. O pleito será no dia 25 de novembro, um sábado, em General Severiano.

– O retorno deles (Marcelo foi diretor de marketing do Botafogo na primeira gestão de Mauricio Assumpção) significa o pior para o Botafogo. Por isso nem se dizem oposição, se dizem alternativa. É uma bagunça, uma coisa indefinida. Eles querem voltar, mas temos que estar unidos para dar sequência ao nosso trabalho – opinou CEP.

Fonte: Terra