A atuação de Rodrigo Maia, presidente da Câmara dos Deputados, entre outros políticos, está gerando polêmica na legalização do clube-empresa no Brasil. O movimento ganhou força com o Botafogo e o projeto dos irmãos Moreira Salles. Entretanto, alguns times têm se pronunciando contra, como o Flamengo, do presidente Rodolfo Landim, que viajou até Brasília e reuniu-se com Maia. Nelson Mufarrej, do Botafogo, também está na capital federal.

Hoje ocorre uma reunião entre clubes e CBF para debater o assunto. Walter Feldman, secretário-geral da entidade máxima do futebol brasileiro, já tem se reunido até com Pedro Paulo, deputado que está à frente do projeto de lei liderado por Rodrigo Maia.

Sou a favor da liberação para que o futebol brasileiro se equilibre novamente. Mas uma coisa é certa: resistência para isso não vai faltar, principalmente de quem hoje domina dentro e fora dos gramados.

Fonte: Coluna Em Grande Fase - Edilson Silva - O Dia Online