O novo Botafogo é modesto, não deverá alçar voos altos mas mostrou vontade, organização e bom sistema defensivo. Só que René Simões tem problemas no ataque, pois Diego Jardel e Pimpão foram lentos, se isolaram e Gegê perdeu outra boa chance de se firmar. Há quem acredite no potencial de Tomás, Pimentinha e até Jobson para acelerar o ataque. Se isso acontecer, o Botafogo terá a força que falta para tornar a sua determinação vitoriosa. Seriedade, pelo menos, não falta.

Fonte: Coluna do Márcio Guedes - O Dia Online